Os tempos e os modos da violência à brasileira

Estou até as tampas com suas teorias, seus poemas e partidos revolucionários. Por aqui a palavra Direito não se fez por inteiro. Vagner Souza, “Sofrimento de Fátima”   Certa vez discutia com Vagner Souza, um educador, poeta e amigo, sobre a violência de Estado no Brasil e sobre o impacto dos acontecimentos políticos recentes nesse … Continue lendo Os tempos e os modos da violência à brasileira

… numa terra muito, muito distante

O clima de tensão era praticamente visível: havia uma espessura, uma expectativa, a espera por algum tipo de catástrofe ou milagre, havia medo e um esforço obviamente inútil de pretender normalidade. Em geral não se via muita gente. Já era tarde, os trens pegavam pouca gente nas estações, os faróis paravam poucos carros junto às … Continue lendo … numa terra muito, muito distante

À porta

Quando ele enfim nunca mais voltou eu pude, por um tempo, descansar. Pude olhar ao redor, pude olhar a mim mesma, pude ter medo, e então raiva, e enfim nojo - primeiro de mim mesma, mas depois, brevemente, dele. Contemplei, curiosa, a presença tão nítida dele em meus pensamentos. O nojo dele era uma presença … Continue lendo À porta

Search query = ambulante + morre + atropelado – Aproximadamente 116 mil resultados em 0,3 segundos.

  Toda noite o Eduardo chega em casa e a esposa o recebe com um grito vindo da cozinha: tudo certo no trabalho? O Eduardo tem sempre a mesma resposta, curiosa resposta: sobrevivi por acaso. Tudo certo? Não se sabe. Tudo certo, porque sobreviveu. É isso que importa, não é? Então, tudo certo. Tudo certo, porque … Continue lendo Search query = ambulante + morre + atropelado – Aproximadamente 116 mil resultados em 0,3 segundos.