Notas do obituário d’O Valenciano de dezembro de 1955

[Notas para o obituário de Boris Smirnakoff, que seria publicado na coluna "Personalidades" do jornal "O Valenciano", de 12 de dezembro de 1955. O obituário foi redigido por João Mendes e entregue aos cuidados do editor da seção de Personalidades de Valência (também encarregado das colunas de Esportes, Cotidiano, Notícias Internacionais e direção geral) Pedro Mendes. … Continue lendo Notas do obituário d’O Valenciano de dezembro de 1955

Prólogo a “eugenia, genocídio e genética”, de Boris Smirnakoff

                                                   Roberto Jabeiro, jornalista, filósofo e teólogo, escreve quinzenalmente para Nova Medicina: avanços em Genética e Teoria Social    A revista IstoÉ da última semana de julho, que caiu acidentalmente em minhas mãos em momento de incomum ócio, apresentava uma matéria rica, parcamente aproveitada: tratava de programa inaugurado pelo site de relacionamentos Beautiful People, que … Continue lendo Prólogo a “eugenia, genocídio e genética”, de Boris Smirnakoff

Vértices da alienação

            Em Cidades Invisíveis, de Ítalo Calvino, Marco Polo narra a Ghengis Khan as cidades fantásticas que encontrou ao longo de suas viagens; cidades sem fim se seguem no livro, breves relatos, como se fossem sonhos, cidades não-todas, cidades-proposta, cidades-fantasia. Em meio aos relatos, Khan e Polo se desafiam, pensando se as cidades invisíveis são … Continue lendo Vértices da alienação