perder-se – Ruínas de Astérion

I.   O medo se aguarda no bolso direito, do paletó.   Just in case.   Anda-se em linha oblíqua, em direção à segunda estrela.   À direita. Até o amanhecer.   Somos muitos, mas poucos são os que sobrevivem aos primeiros dias.   Porque o medo já não espera muito.   Muitas das curvas … Continue lendo perder-se – Ruínas de Astérion